Uso de cookies

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar os nossos serviços e mostrar-lhe publicidade relacionada com as suas preferências mediante o análise dos seus hábitos de navegação. Se você continua navegando, consideramos que aceita a sua utilização. Você pode mudar a configuração ou obter mais informação aqui.
page loader

Imprensa  

22 abril 2014

Lleida.net abre nova filial na África do Sul

  • África do Sul, Suazilândia, Lesoto, Botsuana, Namíbia, República Democrática do Congo, Quênia e Gana serão os oito países para os quais serão dirigidos os serviços da Lleida.net.
  • "A familiaridade com a que são tratadas na África do Sul as quest4oes legais relacionadas com a Telecommunication Electronic Act 2002 levou-nos a escolher a África do Sul como o primeiro país onde nos estabelecer", explica o Dr. Giacomo Carlo Avondo, CEO da Sirex Consrtium, parceiro da Lleida.net na África.

 

Lleida, terça-feira, 15 de abril de 2014. Lleida.net abre nova filial na Cidade do Cabo (África do Sul) desde a qual dirigirá a implantação em outros sete países africanos, Suazilândia, Lesoto, Botsuana, Namíbia, República Democrática do Congo, Quênia e Gana.
A entrada faz-se da mão de um parceiro com amplio conhecimento dos mercados e das necessidades e aplicabilidade dos nossos serviços. Mas, os serviços da Lleida.net traspassam fronteiras outorgando segurança às comunicações das pessoas e as empresas.
Nas próprias palavras do Dr. Giacomo Carlo Avondo, CEO da Sirex Consrtium e parceiro da Lleida.net na África, "para já as expetativas estão sendo boas, o qual significa que existe grande interesse nos serviços da Lleida.net. Como em qualquer outra aplicação existem questões e condições técnicas que iremos solventando ao implementar os serviços da Lleida.net. Este motivos, assim como a familiaridade com a que são tratadas na África do Sul as quest4oes legais relacionadas com a Telecommunication Electronic Act 2002 levou-nos a escolher a África do Sul como o primeiro país onde nos estabelecer. As seguintes aberturas seguirão a mesma estratégia."
Sobre a legislação ao respeito das comunicações eletrônicas na África, o Dr. Abondo explica, "até o momento, o artigo 25 da Telecommunications Act 2002, entre outros, indica claramente que a África do Sul e a maior parte dos países da Commonwealth já são assinantes de uma lei de comunicações eletrônicas. A República Democrática do Congo está influenciada pela França e portanto sujeita à legislação europeia".
Os setores prioritários aos quais serão oferecidos os serviços da Lleida.net nestes países são: grandes organizações, companhias de seguros, bancos, agentes de viagens, empresas que trabalhem com correspondência legal habitualmente, empresas de reservas, administrações públicas.
"A telefonia celular e internet na África estão em um momento vibrante", assevera o Dr. Avondo e prossegue, "tanto quanto na Europa, com mais de uma conexão (móvel ou internet) por pessoa. África tem 650 milhões de usuários de celular mais que na Europa ou nos Estados Unidos".
A abertura da África abre um novo continente no mapa da internacionalização da Lleida.net. Amplia-se o número de filiais, agora são 13 cidades nas quais está presente a Lleida.net: Lleida, Madrid, Londres, Miami, São Francisco, Paris, Nova Deli, Santiago de Chile, Bogotá, São Paulo, Tóquio, Santo Domingo y Cidade do Cabo.

Sobre Sirex Consortium
Sirex Consortium é um grupo de empresas sedeada no Reino Unido que oferece serviços especializados e integrados de telecomunicações.
O Dr. Giacomo Carlo Avondo, CEO da companhia, tem mais de 20 anos de experiência no desenvolvimento de negócios de telecomunicações. Oferecendo a sua experimentada carreira, os seus conhecimentos de marketing, marca, serviços de valor acrescentado e o desenvolvimento de novas aplicações de negócio nas empresas.